Seja bem-vindo
Paracambi,16/07/2024

  • A +
  • A -
Publicidade

Após reforma, polo Cederj-Paracambi é ampliado, ganha auditório e novas salas

O novo espaço abriga um auditório com 100 lugares, oito salas de aula e sete de tutorias e um laboratório de Informática.


Após reforma, polo Cederj-Paracambi é ampliado, ganha auditório e novas salas Foto: divulgação Cederj

A sexta-feira, 05/07, foi marcada pelo lançamento do novo andar do polo Cederj em Paracambi, na Fábrica do Conhecimento. O novo espaço abriga um auditório com 100 lugares, oito salas de aula e sete de tutorias e um laboratório de Informática. Ainda foi construído o acesso externo para o segundo andar, com elevador acessível.

O polo foi inaugurado em 8 de agosto de 2001 e funciona na Fábrica do Conhecimento, complexo educacional lançado na gestão do prefeito André Ceciliano. “O Cederj em Paracambi foi a primeira política de educação dentro da Fábrica, para onde depois o prefeito André trouxe a Faetec, a Faeterj, o IFRJ e a Escola de Música Villa-Lobos. Fui aluno daqui, nasci e cresci no bairro, então eu me sinto filho dessa fábrica. Como deputado estadual, é uma alegria participar dessa inauguração”, declarou o deputado

O Consórcio Cederj foi criado em 2000, com a finalidade de democratizar o acesso ao ensino superior público, gratuito e de qualidade na modalidade Educação a Distância (EaD). Atualmente mais de três mil alunos estão inscritos em onze cursos de graduação no polo de Paracambi: Matemática (UFF), Física (UFRJ), Biologia (UERJ), Pedagogia (UERJ), Química (UENF), Letras (UFF), Geografia (UERJ), Administração Pública (UFF), Ciências Contábeis (UFRJ), Engenharia da Produção (UFF) e Biblioteconomia (UFF).

“Tenho um sentimento de gratidão. Agradeço a todos que ajudaram a construir a trajetória da Fundação Cecierj, através do Cederj, neste espaço.. A educação é promotora de cidadania. Pode ser que ela sozinha não resolva, mas ela é fundamentalmente promotora de cidadania. A outra é a política, que é a arte de tornar possível. A confluência de diferentes esferas de poder, de diferentes grupos e pesamentos políticos torna possível a promoção da cidadania, através da educação. Sabemos que não avançamos sem aqueles que lutam pela cidadania e pela ampliação das conquistas”, destacou o presidente da Fundação Cecierj, Lincoln Tavares.





COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha

Baixe o Nosso Aplicativo!

Tenha todas as novidades na palma da sua mão.